Banner
Início
Contribuição à Botânica
Frases e Versos de Luiz Emygdio
Homenagens a Luiz Emygdio
Atuações Paisagísticas
Publicações
Amigo Ilustre
Biografia Cronológica
Bibliografia Consultada

FRASES E VERSOS DE LUIZ EMYGDIO

A pesquisa é filha da ignorância e da necessidade, e age em favor da compreensão e da utilidade.”

(Jornal O Globo, 1946)


“ninguém dissocia a mente para entregá-la a especulação com a família enfeixada num círculo de limitações econômicas elementares”
Falando da precariedade de recursos para a pesquisa e o baixo padrão de salários dos pesquisadores da época (1946)


“O homem vale o que vale a terra em que pisa”
(Diário de Santos, SP, 1946)

Comentando a respeito de seu trabalho

“...os algodoeiros do jardim do aeroporto Santos Dumont, colocados no caminho da brisa, atiram suas flores amareladas sobre o lago central produzindo efeito maravilhoso... Uma cidade sem jardins se transforma numa prisão.”

“O contato da criança com a natureza é uma necessidade biológica”

(Última Hora, 1953)

Sobre Sítio Roberto Burle Marx em Guaratiba: “O Sítio Burle Marx é uma obra, eu direi, de criação continuada, de criação que começa e não se extingue, que avança pelo tempo até que seu autor se vai, sai de cena. Eu assisti o nascer do sítio. A casa que hoje é uma joia de arquitetura era uma casa velha, de paredes rachadas e com um banheiro externo. Eu vi aquilo pouco a pouco se transmutando, quase como num passe de mágica, até chegar àquela varanda magnífica, àquelas salas com tetos pintados por ele próprio, aos lustres, à sonoridade da sala do piano...”

       
       Sítio Roberto Burle Marx    Sítio Roberto Burle Marx


Os paus-de-formiga (Triplaris americana L.) que exibem as flores maiores e mais vistosas em tons rosados são exemplares femininos, enquanto os masculinos dispõem de flores mais discretas na cor creme.” O saudoso Prof. Luiz Emygdio de Mello Filho, botânico que integrou a equipe multidisciplinar responsável pelo projeto do Parque do Flamengo, em sua visão poética da paisagem e da botânica, costumava dizer que essa espécie corroborava sua visão da superioridade da beleza feminina (Blog Árvores cariocas).

           
Paus-de-formiga

“A paisagem da Araucaria representa um dos mais relevantes modelos paisagísticos, cujo caráter marcante lhe era dado pela presença de inumerável quantidade de árvores, onde a forma rígida, esquemática, estereotipada lhes assegura uma unidade formal decorrente de sua textura.”

       
Araucaria


“...O problema da extinção das espécies pela via das intervenções antrópicas divorciadas da eubiose dos sistemas naturais assume, nos dias atuais, uma relevância tal que leva o pensamento do homem a refluir sobre o espelho da consciência e a fazê-lo sentir-se culpado de um pecado esquecido pelos textos sagrados – o pecado ecológico.” (Mello-Filho, Somner & Peixoto 1992)


“ Nas alturas o espírito pairava

 e  em matéria tão pronto se tornou

 e dessa matéria fez se então a carne

 e a carne o desejo se criou

 e de sua ânsia explodiu o impulso

 que em sexo tão logo se mudou

 para em amor vir a se sublimar

 e esse amor retornar ao espírito

 E assim cumprir-se o ciclo ritual do tempo

 que foi, é, e será sempre

 a via sem retorno do Destino.” 


Depoimento sobre Raulino Reitz:
“... Reitz deixou uma obra e um exemplo a serem seguidos pelas novas gerações de botânicos que com tanto entusiasmo se lançam, no presente, à tarefa de conhecer, interpretar e defender a natureza brasileira ante as agressões e ataques de um economismo imediatista, irresponsável e destruidor.”

 


 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 




Patrocínio: