Cidades de Pompéia e Herculano

Fundada pelos gregos, próxima à baía de Nápoles, Pompéia foi ocupada pelos etruscos e depois pelos romanos. Em 79 d.C. foi sepultada por uma camada de 6 metros de cinza e pedra-pomes lançadas durante quatro dias numa erupção do vulcão Vesúvio. Era uma cidade rica, com população estimada entre 20 mil e 33 mil habitantes e economia baseada na produção de vinho, azeite, na fabricação de roupas e no comércio.

Herculano, cidade vizinha, tinha 5 mil habitante e ficou soterrada por uma camada maior ainda: 15 metros de cinzas e lava. As famílias ricas moravam em casas luxuosas e ricamente decoradas e os pobres, em apartamentos ou pequenos alojamentos. A Imperatriz Tereza Cristina trouxe um acervo de peças dessas cidades em sua bagagem de noiva, quando veio casar-se com Dom Pedro II, em 1842, que foram doadas ao Museu Real, hoje Museu Nacional/UFRJ.


REPRESENTAÇÃO CARTOGRÁFICA DA ÁREA ATINGIDA PELO VULCÃO VESÚVIO
Ilustração com base em fonte: www.wikimedia.org