Museu Nacional - UFRJ

Arara-azul-grande

Imagem - Arara-azul-grande
Imagem - Arara-azul-grande

Anodorhynchus hyacinthinus

Descrição:

Ordem Psittaciformes
Latham, 1790
Essa, que é a maior arara do mundo, ocorre somente na América do Sul onde se alimenta principalmente de frutos de palmeiras. São mais fáceis de serem vistas em locais como o pantanal ou nas veredas que cruzam os cerrados brasileiros. Nessas veredas, que são formações vegetais que acompanham os rios e caracterizadas pela presença das palmeiras chamadas buriti, as araras-azuis reproduzem-se e dormem em ocos de árvores mortas. Suas populações já se encontram reduzidas e ameaçadas de extinção.

« Voltar | Voltar ao Topo


Localização

Quinta da Boa Vista, São Cristóvão

Rio de Janeiro - RJ

CEP: 20940-040

(Veja no Google)

Expediente

Nossas exposições estão fechadas ao

público por tempo indeterminado em

virtude do incêndio que destruiu

grande parte de nossas coleções.

Contato

Informações: museu@mn.ufrj.br

Direção: falecomdiretor@mn.ufrj.br

Assessoria de Imprensa: imprensa@mn.ufrj.br

Visitas em Grupo: agendamento.nap@mn.ufrj.br