Infraestrutura

Secretaria

A Secretaria do PPGArq está localizada no terceiro andar do Palácio, prédio principal do Museu Nacional, à esquerda do elevador de acesso principal (elevador da portaria de funcionários) e próxima às salas de aula.
A requisição de documentos à secretaria do Curso deve ser feita com 48 horas de antecedência, pessoalmente ou por e-mail. No caso de documentos emitidos diretamente pela UFRJ, o prazo é variável, pede-se um mínimo de 15 dias.
Quadros de avisos do PPGArq, com informações importantes sobre o curso e suas disciplinas, processo de seleção e seus resultados, divulgação de reuniões científicas, concursos, entre outras, estão localizados no andar térreo, no corredor de acesso ao Departamento de Antropologia e na Sala de aula 1.

Secretária: Claudine Borges Leite
E-mail: This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it., This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.
Telefone: 2562-6939 

Salas de aula

Duas salas de aula destinadas às aulas teóricas e práticas localizam-se no terceiro andar do Palácio. Contam com equipamentos como: data-shows, retro-projetores, projetores de diapositivos, quadros brancos deslizantes, bebedouro, computadores, mesa e bancada para análise de materiais, lupas binoculares.

Restaurante

Um restaurante situado à esquerda da entrada, na portaria de funcionários e alunos, serve regularmente café da manhã, almoço e lanche.

Reprografia

Sistemas de Xerox e reprografia estão localizados no subsolo do prédio anexo "Alípio Miranda Ribeiro" e no prédio da Biblioteca, no Horto.

Recursos de informática

A Seção de Informática do Museu Nacional (SINFOR) funciona com o objetivo de apoiar a realização de tarefas com uso de meios computacionais e proporcionar acesso à rede mundial de computadores. Conta com recursos humanos para atendimento de professores e alunos e de uma sala de usuários equipada com estações de trabalho para uso dos alunos de pós-graduação.

Outras instalações

  • Reserva Técnica de Arqueologia, no térreo do Palácio, com acervo de aproximadamente 100.000 itens, à disposição para produção de dissertações e teses.
  • Sala de Vídeo Major Luiz Thomas Reis, no 3° andar do Palácio, perto da escada, para exibição de vídeos didáticos em complementação às aulas.
  • Auditório Roquete Pinto, no térreo do Palácio, para palestras, conferências e defesas.
  • Auditório do Horto Botânico, no térreo do prédio da Biblioteca, também para palestras, conferências e defesas.
  • Salas de exposição permanente de coleções arqueológicas, no 2° andar do Palácio, para ilustração das aulas.

Museu Nacional

Diretor: Profa. Dra. Claudia Rodrigues Ferreira Carvalho
Vice-Diretor: Prof. Dr. Marcelo de Araujo Carvalho

Departamentos: Antropologia, Botânica, Entomologia, Geologia e Paleontologia, Invertebrados e Vertebrados
Pós-Graduação stricto sensu: Antropologia Social, Arqueologia, Botânica, Zoologia
Pós-Graduação lato sensu (Especialização): Geologia do Quaternário, Línguas Indígenas Brasileiras, Gramática Gerativa e Cognição

Laboratórios

O Programa de Pós-Graduação em Arqueologia conta com os seguintes laboratórios e equipamentos:

  • Uma sala de aula/laboratório para análise de materiais, com 23 m2, destinada a aulas práticas e análise de materiais arqueológicos, equipada com uma mesa, bancada de metal, lupas binoculares, e estantes de aço para a guarda de materiais em análise; 
  • Laboratórios dos pesquisadores do Setor de Arqueologia, totalizando 212m2;

 

  • Laboratório de Arqueobotânica e Paisagem, coordenado pela Profa. Rita Scheel-Ybert.  Desenvolve diversas linhas de pesquisa relacionadas ao estudo de macro- e micro-restos vegetais, realizando pesquisas em arqueobotânica, paleoetnobotânica, estudos da paisagem, produção e consumo de alimentos e reconstituição paleoambiental e paleoclimática, com base no desenvolvimento de estudos de Antracologia, Carpologia, Palinologia, Fitólitos e Grãos de Amido. Para isto o laboratório conta com diversos equipamentos e facilidades, incluindo um laboratório de preparação de amostras equipado com capela, centrífuga, forno mufla, e todo o material necessário a preparações de micro-fósseis, assim como microscópios de luz transmitida, de luz refletida e estereoscópicos, alguns com sistema de captação de imagens.  O Laboratório se encarrega também de desenvolver e organizar coleções de referência de madeiras carbonizadas (Antracoteca), frutos e sementes (Carpoteca), fitólitos e grãos de amido.

Estacionamento

O estacionamento do Museu Nacional localiza-se em uma área limitada, sendo por isso reservado aos professores e funcionários do Museu Nacional. O estacionamento de alunos e visitantes pode ser feito nas rampas de acesso ao Palácio.

Bibliotecas

a) Biblioteca do Museu Nacional
Com vocação trazida desde os tempos do Império, a Biblioteca do Museu Nacional, através de seu acervo, produtos e serviços, dá suporte para a realização de estudos nas áreas de Antropologia, Botânica, Geologia e Paleontologia, Vertebrados e Invertebrados, procurando atender às necessidades de informação das linhas de pesquisa da comunidade acadêmica do Museu Nacional e da comunidade científica nacional e internacional. Oferece apoio bibliográfico aos programas de ensino de pós-graduação em nível de Especialização, Mestrado e Doutorado do Museu, além de contribuir também com os programas de extensão da instituição. Possui um total de 461.316 volumes e 66.204 títulos, assinando periódicos internacionais especializados nessas áreas do conhecimento.
Horário: 9h00 às 16h00, de segunda a sexta.

 

b) Biblioteca Francisca Keller, do PPGAS / Departamento de Antropologia
Criada em 1975, a Biblioteca do PPGAS é uma das melhores bibliotecas especializadas em antropologia do país e da América Latina. Conta, até a presente data, com 30.762 obras, assim distribuídas: 12.685 exemplares de livros, 236 títulos de periódicos (com 9.714 números) e cerca de 6.780 folhetos (separatas, xerox de artigos de livros e periódicos, etc.); 998 exemplares de teses; 585 exemplares de material especial. Está sendo informatizada e já está disponibilizado para consulta on line seu acervo de livros, teses e periódicos, integrando a base bibliográfica Minerva da UFRJ.
Há na sala de leitura dois terminais de computadores à disposição dos alunos e pesquisadores, onde podem ser acessadas as bases Minerva (on line – programa Aleph) e BFK (local, através do programa Microisis).
Horário: 08:30 às 16:30h, de segunda a sexta.

Home Infraestrutura